Quarta-feira, 03 de junho de 2015 12:00 am

Meses, deuses e vaidades


Ops! Chegamos ao meio do ano. Junho é o sexto mês. O avanço do calendário provoca curiosidades. Uma delas se refere ao nome de cada um da turma dos 12. Eles se chamam assim ou assado por capricho ou por causa que nem todos conhecem?


A história tem lógica. Baseia-se nos movimentos da Lua e da Terra. O dia tem a ver com o movimento de rotação — tempo que nosso planet inh a leva para dar um giro em torno do próprio eixo. A semana corresponde à duração da s fases da  Lua. O mês, ao movimento de translação — passeio da Terra em torno do Sol.


Daí surgiram os calendários.  Segundo a lenda, Rômulo, o primeiro rei de Roma, teria criado o primeiro — com 10 meses. Começava em março e terminava em dezembro. Pompílio, o sucessor, acrescentou janeiro e fevereiro. Mas os pôs no fim da lista. Mais tarde, os caçulinhas mudaram de lugar. Viraram primeirões.


O nome


Janeiro —  O primeirão  se chama janeiro em homenagem a Jano. O deus da mudança (dos começos e dos fins) tinha duas caras que olhavam em direção oposta. Uma mirava o passado (o ano que acabava); a outra, o futuro (o ano que começava).


Fevereiro — O nome homenageia Februa, deus da purificação dos mortos.


Março — Como Márcio e marciano, março deriva de Marte, o deus da guerra.


Abril — O dissílabo tem tudo a ver com aprilis . Já ouviu falar? Trata-se da comemoração sagrada em homenagem a Vênus — a deusa do amor e da entrega.


Maio —  Nascido no Hemisfério Norte , onde o inverno mata gente, bichos e plantas de frio, maio se i dentifica-se com a primavera. As comemorações que se faziam depois da neve revenciavam Maia e Flora — deusas  relacionadas ao crescimento de plantas e flores.


Junho — Juno, origem de junho, é o nome romano de Hera, a primeira-dama do Olimpo. Defensora incondicional do casamento, a mulher de Zeus se tornou protetora da maternidade . Junho a homenageia .


Julho — Antes de janeiro e fevereiro mudarem de lugar, julho era o quinto mês. Nada mais lógico que se chamar quintilis . Mas, em 44 a.C., mudou de nome em homenagem a Júlio César. O grande líder romano, assassinado por gente de casa, disse ao ver o algoz: "Até tu, Brutus, meu filho?"


Agosto — Olha a ciumeira. Agosto era o sexto mês do ano. Chamava-se sextilis . Mas, como julho bagunçou o calendário, o primeiro imperador de Roma (sucessor de Júlio César) não ficou atrás. "Eu também quero", exigiu ele. Levou.


Setembro , outubro , novembro e dezembro — O quarteto não deu bola pra mudança de janeiro e fevereiro. Manteve o nome. Setembro, do latim septe , era o sétimo mês do ano. Outubro, de octo , o oitavo. Novembro, de nove , o nono. Dezembro, de decem , o décimo.


Importância


Não foi mole. Até chegar à forma de hoje, o calendário sofreu muitas adaptações. Com elas, falhas foram corrigidas. A última foi do papa Gregório XIII. Foi em 1582. Por isso nosso calendário se chama gregoriano.

Votos:
Tags: dad    dicas    português    etimologia    meses 

|

Terça-feira, 02 de junho de 2015 03:00 pm

Erramos

"Quase toda semana há um episódio de violência aqui", escrevemos na pág. 25. O pronome todo é cheio de manhas. Quando a locução de que faz parte pode ser substituída por advérbio terminado em -mente, é a vez do plural — todos os anos (anualmente), todos os meses (mensalmente), todos os anos (anualmente). Melhor: Quase todas as semanas (semanalmente), há um episódio de violência aqui.

 

Votos:
Tags: dad    dicas    português      erramos    todo    todos  os 

|

Terça-feira, 02 de junho de 2015 01:30 pm

Cochilos da revisão


Flatônio José da Silva


No título "A salvação vem da lavoura" (p.5), saiu este texto:

"É por aí que a banda vai tocar nessa curta semana de feriado"

Corrigindo: É por aí que a banda vai tocar nesta curta semana de feriado

Explicação - Como se trata da atual semana, da que está em curso, o certo é usar o pronome demonstrativo de 1ª pessoa: n(esta).



Votos:
Tags: dad    dicas    português    cochilos  da  revisão    flatônio  josé  da  silva    demonstrativos    esta    indicação  de  tempo    essa 

|

Terça-feira, 02 de junho de 2015 01:00 pm

Palavrões


"Quebrar uma norma aqui, outra ali, pode ser até divertido. Mas não vale exagerar. As regras do `menos é mais´ e do `menor é melhor´ foram varridas desta frase: O paciente pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiótico não teve todos os direitos de tratamento, o que é falta anticonstitucionalissimamente grave.


Entendeu? A primeira grandona, a mais comprida da língua portuguesa, descreve quem caiu doente por aspiração de cinzas vulcânicas. Tem 46 letras. A outra, a segunda maior, tem 29. Não é interessante? Durma-se com um barulho desses! Ou melhor, com uns palavrões desses!" (João Manoel Moreira Aparecida)

Votos:
Tags: dad    dicas    português    maiores  palavras  língua  portuguesa    palavrões 

|

Terça-feira, 02 de junho de 2015 12:00 pm

Leitor pergunta 1


Como se pronuncia a palavra voucher?  (Gilberto Martins)

A inglesinha voucher se pronuncia mais ou menos assim — vaucher.


Voucher, convém lembrar, é vale ou cheque que assegura pagamento de futuras despesas.


Votos:
Tags: dad    dicas    português    adjetivo  classe  a    pronúncia    voucher 

|

Terça-feira, 02 de junho de 2015 09:00 am

Leitor pergunta 2


Existem regras para a pronúncia das siglas? Tenho dúvidas.

(Maria José Cunha)


As siglas não gozam de privilégios. Pronunciam-se como as demais palavras da língua.

Votos:
Tags: dad    dicas    português      sigla    pronúncia 

|

Segunda-feira, 01 de junho de 2015 06:00 pm

Erramos

"Acidente em Belo Monte mata três operários e deixa outros três feridos", escrevemos na pág. 8. Ganha um bombom Godiva quem explicar a razão presença do pronome outros . Trata-se de modismo. O indefinido sobra. Xô! Melhor: Acidente em Belo Monte mata três operários e deixa três feridos.

 

Votos:
Tags: dad    dicas    português      erramos    modismo    outros 

|

Segunda-feira, 01 de junho de 2015 12:00 am

Diquinhas infantis 51


Vitória-régia, uma história de amor


Quando o mundo nasceu, a Lua era guerreiro pra lá de valente. Ela iluminava a Terra noite após noite. Com a claridade, encontrava as índias bonitas e as transformava em estrelas do céu.


Naiá sonhava ser escolhida. Banhava-se todos os dias sob a luz do luar. Mas a Lua não a via. Ia, então, para o alto da montanha pra ser vista. Em vão. Uma noite, Naiá viu a Lua refletida na água.


Pensou que o astro tivesse descido até a Terra. Atirou-se na água. Morreu. Em sinal de gratidão por tão grande amor, Naiá virou a imensa e bela vitória-régia. A Lua a abraça todas as noites. Até hoje.

 

Majestade


Você sabia? Régia , que aparece em vitória-régia, vem de família pra lá de importante. É filhote de rei. Por isso tem realeza.

 

Caça-palavra


Encontre adjetivo que quer dizer régia:


BONITASAPECA

ARTEIRAREALM

ALTIVASOFISTIC

PEDIGREEFEIAS

 

A flor


Vitória-régia é uma flor. O nome dela tem duas palavras. Uma é o substantivo vitória . A outra, o adjetivo régia . No plural, as duas ganham s. É ……………………

 

Resposta

REAL

vitórias-régias

 

Votos:
Tags: dad    dicas    português      diquinhas  infantis    vitória-régia 

|

Domingo, 31 de maio de 2015 12:05 am

Na boca do povo

Os provérbios não têm pai nem mãe. Aparecem ninguém sabe como. Os mais velhos os transmitem para os mais jovens que se encarregam de empurrá-los pra frente.

Assim, passam-se os anos, as décadas, os séculos. O tempo os transforma. Sem certidão de nascimento, eles se adaptam à nova forma. É o que aconteceu com dito pra lá de conhecido.


"É a cara do pai cuspido e escarrado", repetem goianos, baianos & cia. brasileira. Com a frase, dizem que a pessoa é muito parecida com a outra. Esquisito, não? Pois, na origem, a história tinha outro enredo. Este: É a cara do pai esculpido em carrara. Carrara? É o melhor mármore do mundo.

Votos:
Tags: dad    dicas    português    etimologia    provérbio    cuspido    escarrado    carrara 

|

Domingo, 31 de maio de 2015 12:04 am

Isto ou aquilo?


A maior qualidade do estilo? Montaigne respondeu há 450 anos. "O estilo", escreveu o pensador francês, "tem três virtudes — clareza, clareza e clareza." Mário Quintana disse o mesmo com outras palavras: "A gente pensa uma coisa. Escreve outra. O leitor entende outra. E a coisa propriamente dita desconfia que não foi dita".


Título de matéria publicada no jornal de quarta-feira serve de exemplo. É este: "BNDES fornecerá dados de empréstimos ao TCU". Reparou na ambiguidade? A frase dá a impressão de que os empréstimos foram feitos ao TCU. Falso. Os dados é que serão fornecidos ao TCU. Melhor fazer as pazes com a clareza: BNDES fornecerá ao TCU dados de empréstimos.

Votos:
Tags: dad    dicas    português      estilo    clareza    cristovam  buarque 

|

Domingo, 31 de maio de 2015 12:00 am

Em outra língua


"Regra de ouro de toda tradução: dizer tudo o que diz o original, não dizer nada que o original não diga, e dizer tudo com a correção e a naturalidade que permita a língua para a qual se traduz." (Valentín García Yebra)

Votos:
Tags: dad    dicas    português    citação    Valentín  García  Yebra    tradução 

|

Sábado, 30 de maio de 2015 12:00 am

Diquinhas infantis 50


Mão-Preta, a assustadora


Valha-nos, Deus! Que medão! Uma mão preta e peluda assusta adultos e crianças. Ela anda solta pela casa. Não tem braço nem corpo. Só tem os cinco dedos presos na palma que vai até o pulso.


No vaivém, a criatura trabalha que só. Cozinha, lava pratos, arruma as camas, limpa os banheiros, passa aspirador de pó. Faz tudo rápido e pra lá de benfeito.


Às vezes, ninguém sabe o porquê, a mãozinha perde o juízo. Quebra a louça. Bate nas crianças. Rasga a roupa. Queima a tevê. Dizem que ela faz justiça. Castiga só quem é do mal. Será?

 

Lenda


Você conhecia a Mão-Preta? Paulistas, cariocas, capixabas, mineiros já ouviram histórias sobre a criatura. Sabe por quê? Ela é lenda da Região Sudeste.

 

Do bem e do mal


Mal ou mau? O som é o mesmo. Mas a escrita é diferente.

Pra acertar sempre, pense no contrário.

O contrário de mal é bem.

O contrário de mau é bom.

 

Agora você


Complete com mal ou mau . Antes de escrever, pare e pense no contrário:


A Mão-Preta ataca a turma do …………..

Não há bem que sempre dure nem …………. que nunca se acabe.

O lobo …………….  matou a ovelhinha.

 

Resposta:

A Mão-Preta ataca a turma do mal.

Não há bem que sempre dure nem mal que nunca se acabe.

O lobo mau  matou a ovelhinha.


 

Votos:
Tags: dad    dicas    português      diquinhas  infantis    mão-preta 

|

Sexta-feira, 29 de maio de 2015 07:00 pm

Erramos

"Quem fuma, sempre pensa em parar", escrevemos na pág. 6. Ops! Separamos o sujeito do verbo. É frasecídio. Melhor devolver a vida ao período: Quem fuma sempre pensa em parar .

 

Votos:
Tags: dad    dicas    português      erramos    pontuação    vírgula    sujeito    verbo    frasecídio 

|

Sexta-feira, 29 de maio de 2015 03:50 pm

Leitor pergunta

Existem coisas que ditas ou escritas doem nos ouvidos. Li no Estado de Minas frase do senador Cristovam Buarque: "Não estamos ajustando o desajuste de forma ajustada". Não está um tanto confusa? Seria mais prático dizer "Não estamos ajustando o desajuste de forma adequada". Estou certo? (Itibere Pereira)


O jogo de palavras do senador exige que paremos e pensemos. A alternativa que você apresenta facilita a vida do leitor. Vá em frente.

 

Votos:
Tags: dad    dicas    português      leitor  pegunta    clareza 

|

Sexta-feira, 29 de maio de 2015 03:00 pm

Cartão vermelho

O escândalo da vez estourou na Suíça. Mas atinge Europa, França e Bahia. Sete cartolas caíram nas malhas da polícia. São chefões da Federação Internacional de Futebol, a popular Fifa. Com a operação, dois assuntos ganharam manchete. Um: a roubalheira que gira em torno do esporte mais popular do planeta. O outro: a grafia das siglas. Há regras para escrever a redução de nomes grandões que ocupam tempo e espaço? Há. Guarde isto:


1. Escreva todas as letras maiúsculas em duas ocasiões. Uma: se a sigla tiver até três palavras (PM, UTI, MEC, CBF, ONU). A outra: se as letras forem pronunciadas uma a uma (BNDES, INSS, IPVA, IPTU).


2. Escreva só a inicial maiúscula se a sigla tiver mais de três letras que não se pronunciam uma a uma: Detran, Fifa, Embrapa .


Sigla tem plural? Tem. Basta acrescentar um essezinho depois da última letra: PMs, UTIs, Detrans .


Votos:
Tags: dad    dicas    português      sigla    grafia    plural    fifa 

|

Quinta-feira, 28 de maio de 2015 06:00 pm

Erramos

"… disse em entrevista coletiva a procuradora-geral da Justiça norte-americana Loretta Lynch", escrevemos na capa do Super Esportes . Cadê a vírgula? Os Estados Unidos só têm uma procuradora-geral da Justiça. Termo explicativo, o nome dela precisa ser isolado pelo sinal de pontuação: … disse em entrevista coletiva a procuradora-geral da Justiça norte-americana, Loretta Lynch.

 

Votos:
Tags: dad    dicas    português      erramos    vírgula    termo  explicativo 

|

Quinta-feira, 28 de maio de 2015 01:10 pm

Leitor pergunta

Em "da primeira a quinta posição" ocorre crase? Posição ou posições? (Wallace)


A dúvida se refere a casalzinho da língua — da…à. O primeiro par (da) é formado de preposição (de) mais artigo (a). O segundo vai atrás: da primeira à quinta posição, da página 5 à página 12, da quadra 6 à quadra 9, da primeira à sétima série.


Reparou? O numeral não interfere na flexão do substantivo. Daí o singular de posição e série .

 
 

Votos:
Tags: dad    dicas    português    casaizinhos    crase    de...a    da...à    plural    concordância  nominal 

|

Quinta-feira, 28 de maio de 2015 01:00 pm

Todos ou nem todos


Quer ganhar um bombom Godiva? Então faça a questão que se segue.


Angélica e Luciano têm três filhos — Joaquim, Benício e Eva. Com base na informação, escolha as frases em que a vírgula merece nota 10:


a. Angélica saiu acompanhada dos filhos Joaquim, Benício e Eva.

b. Angélica saiu acompanhada dos filhos, Joaquim, Benício e Eva.

c. Angélica apareceu com os filhos Joaquim e Eva.

d. Angélica apareceu com os filhos, Joaquim e Eva.

e. A filha do casal Angélica e Luciano Eva não sofreu nada.

f. A filha do casal Angélica e Luciano, Eva, não sofreu nada.


E daí?


Marcou b, c, f? Acertou. Você sabe distinguir termo explicativo e termo restritivo. A chave da equação está na totalidade e na parcialidade. O explicativo funciona como aposto. Sem ele, a gente descobre a informação no Google. É o caso das frases b e f :


Angélica saiu acompanhada dos filhos, Joaquim, Benício e Eva. (A vírgula diz que Angélica só tem os três filhos citados. Nota 10. Sem a vírgula, o recado seria outro. Angélica teria mais.)

*

A  filha do casal Angélica e Luciano, Eva, não sofreu nada. (A vírgula diz que o casal só tem uma filha. Certo? Certo. Os outros dois são menininhos.)

*

Agora, analise a frase c :


Angélica apareceu com os filhos Joaquim e Eva. (Palmas, muitas palmas. Angélica não saiu com os três filhos. Saiu só com dois. Sem citá-los,  n ão há Google que adivinhe. Joaquim e Eva são termos restritivos. Sem vírgula.)

 


Votos:
Tags: dad    dicas    português      vírgula    termos  explicativos    termos  restritivos    angélica    luciano  huckfrasecídio    objeto    verbo 

|

Quarta-feira, 27 de maio de 2015 02:56 pm

Fale certo

Votos:
Tags: Fale  certo   

|

Quarta-feira, 27 de maio de 2015 11:00 am

O milagre de Huck e Angélica (1)


Que susto! Mãe, pai e três filhos estão no ar. Com eles, duas babás. No comando, dois pilotos. De repente, o avião apresenta problemas. Poderia cair, mas a perícia do comandante salva a turma. Ufa! "Passamos por um milagre", disse o casal em nota divulgada à imprensa.


Milagre? A palavra tem história curiosa. Ela nasceu do verbo mirar . Em latim, o dissílabo tem muitas acepções. Além de fitar, encarar, observar, tomar como alvo, significa admirar-se, contemplar. Milagre é maravilha que vai contra as leis da natureza, espetáculo digno de mirar. Miraculoso, mirante, miragem pertencem à mesma família.

 


Votos:
Tags: dad    dicas    português      etimologia    milagre    mirar    luciano  huck    angélica 

|

Quarta-feira, 27 de maio de 2015 10:30 am

O milagre de Huck e Angélica (2)

A letra


O avião pousou em fazenda mato-grossense. Angélica posou com o marido ao deixar o hospital. Viu? Uma letra faz toda a diferença.

 

Votos:
Tags: dad    dicas    português      grafia    poso    pouso    posar    pousar 

|

Quarta-feira, 27 de maio de 2015 08:00 am

O milagre de Huck e Angélica (3)


Pontos nos ii


Angélia, Luciano & cia. estavam no Pantanal. Terminadas as gravações, voltavam pra casa. Ops! O avião teve crise de mau humor. Estava em Mato Grosso do Sul. O pouso forçado virou notícia. O estado também. Foi aí que o bicho pegou. Muitos disseram "no Mato Grosso do Sul". Valha-nos, Deus! Xô!


Mato Grosso e Mato Grosso do Sul jogam no time de Goiás . Dispensam o artigo. Nota 10 para: Sou de Goiás. Sou de Mato Grosso. Sou de Mato Grosso do Sul. Nasci em Goiás. Nasci em Mato Grosso. Nasci em Mato Grosso do Sul. Moro em Goiás. Moro em Mato Grosso. Moro em Mato Grosso do Sul.


Tira-teima


Como saber se o nome do estado se usa com ou sem artigo? É fácil como andar pra frente. Basta consultar o dicionário. A resposta está no adjetivo. Ao procurar goiano, mato-grossense ou mato-grossense-do-sul, por exemplo, o verbete dirá natural ou originário de Goiás, de Mato Grosso e de Mato Grosso do Sul. De é preposição pura. Sem artigo.

 

Votos:
Tags: dad    dicas    português    goiás    mato  grasso    mato  grosso  do  sul    artigo 

|

Terça-feira, 26 de maio de 2015 04:00 pm

Vexame


"Será exigido seus dados de acesso", diz formulário de inscrição do Enem. Baita erro de concordância. O verbo deve concordar com o sujeito -- seus dados de acesso . Na ordem direta ou inversa, o plural se impõe: Seus dados de acesso serão exigidos. Serão exigidos seus dados de acesso.  

Votos:
Tags: dad    dicas    português    erro    concordância    enem    formulário  inscrição 

|

Terça-feira, 26 de maio de 2015 02:00 pm

Erramos


"No chamado sistema proporcional, são computados os votos obtidos pelo partido ou coligação e, depois, os de cada candidato", escrevemos na pág. 2. Reparou no modismo? Por que "chamado" sistema proporcional? Sistema proporcional é o nome da modalidade descrita. Melhor: No sistema proporcional, são computados os votos…

 

Votos:
Tags: dad    dicas    português      erramos    chamado    modismo 

|

Terça-feira, 26 de maio de 2015 01:00 pm

Filho de peixe


O verbo da moda? É reaver. Com a Operação Lava-Jato, dólares da corrupção depositados no exterior voltaram para o Brasil. Viva! Que venham muitos, muitos mais. A recuperação do dinheiro virou manchete. Muitos escreveram "reaviu". Cochilaram. Pra conjugar o trissílabo como manda a gramática, a informação da paternidade é pra lá de bem-vinda.


Reaver é filhote de haver. Significa haver de novo, recobrar, recuperar. O danado tem um grande defeito. É preguiçoso que só. Por isso, joga no time dos defectivos. Não tem todas as pessoas, tempos e modos. Ele só se conjuga nas formas em que aparece o v , de ha v er. No presente do indicativo, apenas o nós e o vós têm vez: reavemos, reaveis .


O indolente não tem o presente do subjuntivo (seria reaja , sem o v ). Mas exibe o passado e o futuro completinhos: reouve, reouves, reouve, reouvemos, reouveram; reavia, reavias, reavia, reavíamos, reaviam; reaverei, reaverás, reaverá, reaveremos, reaverão; reaveria, reaverias, reaveveríamos, reaveriam; reouver, reouveres, reouvermos, reouverem; reouvesse, reouvesses, reouvéssemos, reouvessem.


Em ação


Exemplos? Ei-los: Maria reouve as joias roubadas. Ela reavia as fichas do jogo. Ainda reaverei os pontinhos perdidos na prova. Quando reouver o dinheiro, Maria vai depositá-lo no bando. Se eu reouvesse minha herança, faria bela viagem pelos cinco continentes.


Tentações


Abra os olhos. Reavê, reaviu, reaveja não existem. Seriam derivados de ver. Reaver vem de haver. Mas não fique triste. Eles não fazem falta. Recuperar e recobrar os substituem pra lá de bem.

Votos:
Tags: dad    dicas    português      verbo    reaver 

|

Terça-feira, 26 de maio de 2015 12:00 pm

Leitor pergunta


Gostaria de saber a classe gramatical da palavra "velho" nas seguintes frases: a) João é um velho amigo. b) João é um amigo velho. (Marise Cruz Galdino)


Em ambas as frase, Marise, velho é adjetivo: restringe o substantivo amigo . A colocação lhe muda o sentido. Velho amigo é amigo antigo, do peito. Amigo velho , amigo idoso.


Outros adjetivos mudam de sentido segundo a colocação. É o caso de novo e grande . Compare:


Comprei um carro novo. (Comprei um carro zero.)

Comprei um novo carro. (Comprei outro carro, não necessariamente zero.)

Napoleão tinha 1,50m. Mas foi um grande homem.

Golias tinha mais de 2m. Era um homem grande.

Votos:
Tags: dad    dicas    português    adjetivo    colocação    significado    denotativo    conotativo    velho    grande    novo 

|

Segunda-feira, 25 de maio de 2015 06:00 pm

Erramos

"Oposição promete entregar amanhã, à PGR, pedido de abertura de ação penal contra a presidente", escrevemos na pág. 3. Reparou? Ao separar o verbo do objeto, cometemos frasecídio. Melhor ressuscitar o período. Xô, vírgula! Assim: Oposição promete entregar amanhã à PGR pedido de abertura de ação penal contra a presidente .

 

Votos:
Tags: dad    dicas    português      erramos    vírgula    frasecídio    objeto    verbo 

|

Segunda-feira, 25 de maio de 2015 01:00 pm

Janene morreu. Cadê prova?

Macabro? O adjetivo causa arrepios. Quer dizer fúnebre. Mas nós o associamos a sombrio, assustador, tétrico, horripilante. Ninguém sabe ao certo o berço da palavra. Há quem diga que vem do árabe. Mas a maior parte dos estudiosos aposta no francês. No século 18, a obra Dance macabre, pra lá de popular na Europa, representava a morte. A alegoria inspirou-se no martírio dos irmãos Macabeus, descrita no Antigo testamento .


O vocábulo veio à tona na quarta-feira. Na CPI da Petrobras, pintou a suspeita de que José Janene teria forjado a morte. O corpo enterrado não seria o dele. Talvez nem houvesse corpo. O ex-deputado estaria no bem-bom gastando bilhões da corrupção em praia do Caribe. Pelo sim, pelo não, o corpo seria exumado. Em português claro: seria desenterrado. Alguma semelhança com a ficção? O comendador, da novela Império , responde.

 

Votos:
Tags: dad    dicas    português      lmacabro    janene    etimologia 

|

Segunda-feira, 25 de maio de 2015 12:50 pm

Puxão de orelhas


O repórter escreveu por do sol . Bobeou. O revisor não viu. Leitores atentos se deram conta do descuido. Entre eles, Flatônio José da Silva. Eis a correção: "A reforma ortográfica manteve dois acentos diferenciais. Um: pôde. O chapéu distingue o passado do presente de poder (ontem ele pôde, hoje não pode). O outro: pôr. O monossílabo diferencia o tônico verbo pôr da átona preposição por : Dá pra pôr algumas obras por aí? Dizem que Brasília tem o mais belo pôr do sol do Brasil.

 

Votos:
Tags: dad    dicas    português      grafia    pôr  do  sol    plural    pores  do  sol 

|

Segunda-feira, 25 de maio de 2015 12:40 pm

Por que citar?


"Costumo recorrer, nos meus artigos de jornal, a citações frequentes, não apenas como adorno do texto, mas como apoio. A citação nada mais é, por vezes, do que um pensamento coincidente, indicativo de que outro escritor, antes de nós, pensou o que também pensamos — e lhe deu força, com a vantagem da precedência. A concordância, nesses casos, obriga à citação, com o destaque do texto alheio e a indicação da autoria respectiva." (Josué Montello).

 

Votos:
Tags: dad    dicas    português    citação    josué  montello 

|


« primeira    « anterior    
Mostrando (1-30) de 7948 resultados.