Terça-feira, 26 de maio de 2009 08:30 am

Shakespeare ensina



"Palavras não pagam dívidas."

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    citação    shakespeare    palavras    dívidas 

|

Segunda-feira, 25 de maio de 2009 06:05 pm

Tanto faz



Ter de estudar? Ter que estudar? Tanto faz. Modernamente as duas formas são sinônimas.

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    ter  de    ter  que 

|

Segunda-feira, 25 de maio de 2009 06:00 pm

Erramos


"Dez vítimas pertenciam à família do empresário Roger Ian wright, 56 anos, além do piloto, do copiloto, de uma babá e da neta de 3 anos" de sua mulher, Lucilia Lins", escrevemos na pág. 7. Viu? O além de adiciona. Diz que os enumerados pertencem à família. Mas eles não pertencem. A saída? Eis uma: Dez vítimas pertenciam à família do empresário Roger Ian wright, 56 anos. Além delas, morreram o copiloto, uma babá e a neta de 3 anos da mulher de Roger, Lucilia Lins.

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    erramos    construção  da  frase    clareza 

|

Segunda-feira, 25 de maio de 2009 02:00 pm

Assim mesmo


Ele é mau-caráter. E eles? Eles também são maus-caracteres.

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    mau-caráter    número    maus-caracteres 

|

Segunda-feira, 25 de maio de 2009 06:00 am

A importância da pontuação



Um professor de Direito Civil dizia: Toda história tem quatro verdades.

1 - A verdade do seu cliente, que você irá defender.

2 - A verdade da outra parte, que o outro advogado irá defender.

3 - A verdade do juiz, que a terá com base no que os advogados conseguiram convencê-lo, e perpetuará (sentença).

4 - A verdade verdadeira, o que realmente aconteceu de fato !

Dedução: A verdade está em acreditar naquilo que julgamos ser verdade, e cada indivíduo compôe a sua com base no seu caráter, educação e meio no qual vive.


HISTÓRIA


Um homem rico estava muito mal, agonizando. Pediu papel e caneta. Escreveu assim:


"Deixo meus bens à minha irmã não a meu sobrinho jamais será paga a conta do padeiro nada dou aos pobres."


Morreu antes de fazer a pontuação. A quem deixava ele a fortuna?
Eram quatro candidatos à sua fortuna.


1) O sobrinho fez a seguinte pontuação:


Deixo meus bens à minha irmã? Não!
A meu sobrinho.
Jamais será paga a conta do padeiro.
Nada dou aos pobres.


2) A irmã chegou em seguida. Pontuou assim o escrito:

Deixo meus bens à minha irmã.
Não a meu sobrinho.
Jamais será paga a conta do padeiro.
Nada dou aos pobres.


3) O padeiro pediu cópia do original.
Puxou a brasa pra sardinha dele:

Deixo meus bens à minha irmã? Não!
A meu sobrinho? Jamais!
Será paga a conta do padeiro.
Nada dou aos pobres.


4) Aí, chegaram os descamisados da cidade.
Um deles, sabido, fez esta interpretação:

Deixo meus bens à minha irmã? Não!
A meu sobrinho? Jamais!
Será paga a conta do padeiro? Nada!
Dou aos pobres.



Assim é a vida. Pode ser interpretada e vivida de diversas maneiras. Nós é que colocamos os pontos e isso faz toda a diferença.



(Colaboração de Roberto Freire.)

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    pontuação    diferentes  pontuações    ponto  e  significado 

|

Domingo, 24 de maio de 2009 02:37 pm

Fale Certo

Votos: 0
Tags: Fale  Certo 

|

Domingo, 24 de maio de 2009 12:00 am

Cara, mostra a tua cara

 

 

Primeiro foi José Alencar. "Luto contra um câncer", disse com todas as letras o vice-presidente da República. Depois foi Glória Peres. "Faço tratamento contra câncer linfático", declarou a autora de Caminho das Índias. Por fim, foi a vez de Dilma Rousseff. "O câncer que me ataca tem cura", afirmou a chefe da Casa Civil do Planalto. Viva! Antes palavra assustadora, câncer ganhou bocas e manchetes. Ninguém mais recorre a eufemismos pra evitar o nome da doença.

 

Eufemismo é isto: adocicamento do termo. A palavra que dá nome aos bois às vezes choca, causa dor, ou provoca imagens desagradáveis. A saída? Apelar para outra, mais branda. Câncer virou duas letras — C.A. Manuel Bandeira chamou a morte de "a indesejada das gentes". Bill Clinton usou "relações impróprias" em vez de relações sexuais. Os brasileiros dão mil jeitinhos pra fugir do vocábulo diabo. Demo, bicho, anjo rebelde, anhangá, beiçudo, canhoto, cão, coisa ruim, coxo dão um só recado: vade retro, satanás.

 

É isso. Muitos atribuem poder mágico às palavras. Pensam que basta pronunciá-las pra atrair o ser indesejado. Daí as artimanhas de mantê-lo pra lá. É a tal história. Não acredito em bruxas, mas…
 

Herança de Hércules

 

Em latim, câncer quer dizer caranguejo. Por isso o bichinho aparece em todos os horóscopos. É o quarto signo do zodíaco. Vem depois de Áries, Touro e Gêmeos. O prestígio tem tudo a ver com Hércules. O herói foi desafiado a fazer doze trabalhos pra lá de arriscados. Num deles, enfrentou a Hidra de Lerna. O monstro era um dragão com nove cabeças de serpente. Pra vencer a fera, ele tinha que cortar todas elas.

 

Era missão quase impossível. As cabeças pareciam mágicas. Mal ele decepava o pescoço de uma, a danada renascia firme e forte. E daí? Hércules era Hércules. Sabido, bolou um plano. Queimava com uma tocha os pescoços cortados. Eles não voltavam à vida. Juno, inimiga do herói, quis atrapalhar a vida dele. Mandou um caranguejo morder o valentão. Hércules, quando sentiu as dentadas, esmagou-o com os pés. Juno, com pena do animalzinho, recolheu os pedaços espalhados pelo chão. Com eles, formou a constelação de Câncer. Ela está no céu até hoje.
 

Votos: 0
Tags: dad    dicas  português    eufemismo    câncer    etimologia    constelação 

|

Sábado, 23 de maio de 2009 12:00 am

O burro e o cão — ajuda ao próximo


Era uma vez…


Um homem caminhava devagar pela estrada. Com ele iam o cachorro e o burro de carga. Depois de andar bom pedaço, resolveu descansar debaixo de uma árvore. Parou e tirou um soninho. O burro aproveitou pra pastar. Passado um tempinho, o cachorro pediu pro burro:


-- Você pode se abaixar um pouco? Estou com fome e minha comida está na sacola que você carrega no lombo.


-- Qual é? Não vou parar de comer, não. Aprenda a ter paciência. Quando acordar, nosso dono cuida de você.


Enquanto ele falava, apareceu um lobo morto de fome. O cachorro mandou o burro correr. O burro não correu. O lobo foi em cima dele. O cachorro mandou o burro dar coices no lobo. O burro não deu. O cachorro ficou com pena. Latiu alto. O dono acordou. Deu um tiro pro alto e o lobo fugiu. O burro escapou.



*


Você conhece alguém generoso como o cachorro? Eu conheço. É a Tarsila. Outro dia, ela esqueceu o lanche em casa. Sentiu muita fome. Pediu, então, um pedacinho do sanduíche da Maria. A Maria não deu. Na outra semana, a Maria não conseguia resolver um problema de matemática. Pediu ajuda à Tarsila. A Tarsila ajudou.


*


Moral da história: É bom estar pronto pra ajudar os outros.

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    fábula    o  burro  e  o  cão 

|

Sexta-feira, 22 de maio de 2009 06:00 pm

Erramos


"A extensão do alcance da MP 459 para os condomínios de classe média, aprovada pela Câmara dos Deputados na quarta-feira, beneficiaria 117 mil moradores de 36 áreas irregulares do DF", escrevemos na pág. 25. Por que beneficiaria? Se a extensão da MP foi aprovada, o tempo verbal é outro —beneficiará.

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    erramos    correlação  verbal    verbo 

|

Sexta-feira, 22 de maio de 2009 12:00 pm

Paulo Viana pergunta


É frequente a confusão entre contribuir com e contribuir para . Chega a doer nos ouvidos. Que tal falar no assunto?


Ops! Contribuir serve de prova de que a preposição faz a diferença:

Contribuir para = concorrer com outro para determinado fim, cooperar, ter parte em: Com as denúncias, o senador contribuiu para a aprovação da CPI. A leitura de bons livros contribui pra enriquecer o vocabulário, criar ideias e redigir textos corretos, originais e sedutores.


Contribuir com = pagar contribuição, tomar parte numa despesa comum: Contribuí com dinheiro para a viagem das crianças. É bom contribuir com ideias pra enqriquecer o trabalho do grupo.

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    regência  verbal    contribuir 

|

Sexta-feira, 22 de maio de 2009 06:00 am

Absurdo vivinho



Lucinha mandou este texto pro blog: "Oxímoro é, segundo o Houaiss, figura de retórica na qual se combinam palavras de sentido oposto que parecem excluir-se mutuamente, mas que, no contexto, reforçam uma expressão: o grito do silêncio, silêncio ensurdecedor, obscura claridade, contentamento descontente, ilustre desconhecido. Escola Superior de Guerra é um oxímoro na opinião de Millôr Fernandes. Segundo ele, sendo de guerra, não poderia ser superior. Pois é. O Brasil, além de tudo, é mesmo um país oximoroso. O autor da descoberta é Sérgio Rodrigues. Há um tremendo oxímoro que não sai das manchetes dos jornais nos últimos dias: Conselho de Ética do Senado".

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    oxímoro 

|

Quinta-feira, 21 de maio de 2009 05:56 pm

Dicas de Concursos

Votos: 0
Tags: Dicas  de  Concursos   

|

Quinta-feira, 21 de maio de 2009 05:30 pm

Erramos


"Morreu Oleg Iankosvsky, intérprete de cinema e teatro muito popular na Rússia e conhecido no exterior por papeis nos filmes de Andrei Tarkovsky…", escrevemos na pág. 5 do C. Cadê o acento de papéis? A reforma ortográfica cassou o grampinho dos ditongos abertos só  da s paroxítonas. As oxítonas se mantêm como dantes no quartel de Abrantes.

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    erramos    reforma  ortográfica    papéis    ditongo  aberrto 

|

Quinta-feira, 21 de maio de 2009 10:15 am

Pega mal




"Explorar politicamente a minha doença pega mal", disse a sorridente Dilma Rousseff. ao receber alta do hospital. Pegar mal é o contrário de pegar bem . Por isso mal se escreve com l. Homem mau é o oposto de homem bom . Por isso mau se escreve com u. Viu? O troca-troca nos dá senhora ajuda. Evita que troquemos a grafia de mal e mau. As duas palavras se pronunciam do mesmo jeitinho. Mas a escrita não se conhece nem de elevador.



Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    mal    mau 

|

Quinta-feira, 21 de maio de 2009 09:00 am

Boa viagem


O dólar cai. Agentes de viagem festejam. Fica mais barato dar uma voltinha no exterior. Mas, pra tudo correr bem, uma condição se impõe. Não confundir viajem com viagem . Viajem é forma de viajar. O nome do verbo se escreve com j. Todas as formas se grafam com a mesma letra (eu viajei, ele viajou, nós viajamos, eles viajaram; que eu viaje, ele viaje, nós viajemos, eles viajem). O substantivo não tem nada com o verbo. Exige o g : Viajem e façam boa viagem.

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    viagem    viajem 

|

Quinta-feira, 21 de maio de 2009 08:00 am

Empurrar com a barriga



     DAD SQUARISI // dadsquarisi.df@diariosassociados.com.br


Mexer na poupança? Ops! Provoca calafrios só de pensar. O assunto lembra o confisco collorido. Por isso o governo o deixou em banho-maria. Foi pior. A oposição tirou proveito do vacilo. Espalhou pânico microfones afora. Finalmente a equipe econômica se manifestou. Manteve inalteradas as regras para até R$ 50 mil na caderneta. Aplicações acima desse teto serão taxadas. Foi a forma encontrada para que os grandes investidores não abandonem os fundos na busca dos rendimentos cada vez mais atraentes da poupança. Resolvido o problema? Nem pensar.



O governo deixou para amanhã o que podia fazer hoje. Transferiu o abacaxi para o próximo inquilino do Planalto. Não tocou no ponto nevrálgico da poupança. Trata-se da indexação. Em tempos de inflação baixa e juros em queda, aplicações financeiras não podem ser indexadas. A poupança é. Haja o que houver, o dinheirinho renderá, pelo menos, 0,5% ao mês mais a Taxa Referencial (TR) — livre de impostos.



Um problema: a poupança financia a casa própria. Se a Selic continuar a cair como tudo indica, os juros cobrados para bancar moradias ficarão comparativamente altos. Outro problema: o governo precisa manter os fundos de renda fixa atraentes. Eles compram os títulos da dívida pública. Se houver fuga de investidores dessas carteiras, o Tesouro terá dificuldades de resgatar os papéis nas mãos do mercado. As consequências, como diz o conselheiro Acácio, vêm depois: aumento do déficit público, desorganização das contas do Estado e renascimento da inflação.



A tributação das contas gordinhas poderá atenuar ou eliminar a complicação até o fim do mandato. E depois? Começa tudo de novo. Que canseira! Mais uma prova da nossa requintada arte de empurrar com a barriga. Ela vem de longe. A reforma agrária espera vez desde os tempos de Pedro Álvares Cabral. As reformas política, administrativa e tributária não têm pressa. Arrastam-se há décadas. A poupança lhes fará companhia.




( artigo publicado em Opiniao do Correio Braziliense )

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    artigo    empurrar  com  a  barriga    poupança 

|

Quinta-feira, 21 de maio de 2009 12:00 am

Marlene do Nascimento quer saber


Aprendi que não devo usar encarar de frente porque não há jeito de encarar de lado ou de costas. Não devo usar também pequeno detalhe porque todo detalhe é pequeno. Porém belo anúncio no Estado de Minas escreve: "Um pequeno detalhe pode dar nome a uma obra de arte". Está certo?



Marlene, pequeno detalhe joga no time de encarar de frente, elo de ligação, panorama geral, planejar antecipadamente, jantar à noite, prevenir antes que aconteça, minha opinião pessoal, multidão de pessoas, ganhar grátis, erário público, destaque excepcional, de sua livre escolha, manter a mesma, estrear novo & cia. ilimitada de pleonasmos. Xô!

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    pleonasmos 

|

Quarta-feira, 20 de maio de 2009 07:00 pm

Erramos


"Veja bem, o Aécio, candidato a presidente, o Hélio Costa, o Fernando Pimentel, o Patrus Ananias…". Assim escrevemos na pág. 7. Reticências e ponto? É demais. O ponto  -- seja qual for -- da frase entre aspas desempenha  os dois papéis — encerra a citação e o período.

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    pontuação    aspas 

|

Quarta-feira, 20 de maio de 2009 06:19 pm

Fale Certo

Votos: 0
Tags: Fale  Certo 

|

Quarta-feira, 20 de maio de 2009 07:00 am

Vocação mundana



Quando nasceu, a Petrobrás era Petrobrás — com acento e tudo. Foi em 1953. Oxítona terminada em a, jogava no time das irmãzinhas cuja sílaba fortona cai lá no fim. É o caso de sofá, sofás, cajá, cajás, está, estás. É o caso também de Radiobrás, Eletrobrás & outros ás da vida.


A brasileirinha cresceu e apareceu. Ganhou o mundo. Com 18 anos, cassou o grampinho. Sem ele, o nome se pareceria com o inglês, que dispensa agudos, graves e circunflexos. Em 2000, a atrevida radicalizou. Mudaria o nome para Petrobrax,  à imagem de Lubrax & similares da língua inglesa.


Ops! Foi um deus nos acuda. Reações não faltaram. "Fala sério", diziam os brasileiros indignados. Políticos, jornalistas, comerciantes, empresários, donas de casa, todos demonstra r am o descontentamento. Resultado: a multinacional voltou atrás. Manteve o bras, marca verde-amarela. Acertou. Tornou-se uma das m aiores e mais respeitadas petrolíferas do mundo. Em 2008, saltou para o quarto lugar no ranking planetário. Viva!



Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    grafia    sigla    petrobras 

|

Quarta-feira, 20 de maio de 2009 06:00 am

Olho na gigante


O Senado aprovou comissão parlamentar de inquérito pra investigar irregularidades na Petrobras. Quer saber sobre manobras pra pagar menos impostos, pra conceder patrocínios, pra empregar sindicalistas a torto e a direito. Haverá favorecimentos? Vamos ver. Enquanto isso, vale tirar uma casquinha da iniciativa do Congresso.


CPI é uma sigla. As três letrinhas querem dizer comissão parlamentar de inquérito. Viu? Pouco diz muito. Por isso reduções caíram no gosto do povo. Economizam espaço e tempo. Como escrevê-las? O Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa manda grafá-las conforme a certidão de nascimento. A imprensa simplificou a vida.


Escreve todas as letras grandonas quando a sigla tiver até três letras ou se for pronunciada letra  por letra: Polícia Militar (PM), unidade de terapia intensiva (UTI), Organização dos Estados Americanos (OEA), Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).


Nos demais casos, só a inicial ganha destaque. As demais permanecem mixurucas, mixurucas: Departamento de Trânsito (Detran), Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), Empresa Brasileira de Pesquisas Agropecuárias (Embrapa).


O plural? Basta acrescentar um s pequenino: PMs, UTIs, Detrans .

 

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    sigla 

|

Terça-feira, 19 de maio de 2009 06:00 pm

Erramos


"Veja abaixo os números relativos a janeiro a abril de 2008", escrevemos na pág. 26. A janeiro a abril? É esquisito. Melhor: Veja os números relativos ao período de janeiro a abril de 2008.

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    erramos    de...a 

|

Terça-feira, 19 de maio de 2009 04:50 pm

Dicas de Concursos

Votos: 0
Tags: Dicas  de  Concursos 

|

Terça-feira, 19 de maio de 2009 01:15 pm

Olho vivo



Você tem medo de mau-olhado? Eu tenho. Pra escapar das maldades, só há uma saída: grafar a palavra como manda o dicionário -- com hífen. O plural? É maus-olhados.

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    grafia    mau-olhado 

|

Terça-feira, 19 de maio de 2009 01:05 pm

Mau-caráter



O plural de mau-caráter? Acredite. É maus-caracteres.

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    plural    mau-caráter 

|

Terça-feira, 19 de maio de 2009 01:00 pm

Com hífen



Atenção à grafia. Meio-dia e meia-noite se escrevem com hífen. O plural? É meios-dias e meias-noites.

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    grafia    hífen    meio-dia    meia-noite 

|

Terça-feira, 19 de maio de 2009 09:00 am

Megafusão


A Sadia se fundiu com a Perdigão. Juntas, tornaram-se BrasilFoods,  um das maior es exportadora de alimentos do  mundo . O casamento deu dor de cabeça nos repórteres. Como escrever megafusão? Junto? Separado? Com hífen? Mega joga no time dos prefixos que rejeitam os iguais e são louquinhos pelos diferentes: mega-alerta, megaoperação, megafusão.

 

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    megafusão    mega    hífen    reforma  ortográfica    grafia 

|

Terça-feira, 19 de maio de 2009 08:30 am

Família infantil


Você sabia? Pedófilo pertence à família de pediatra e pedagogo. Ped, em grego (paidós), quer dizer criança. Pediatra é o médico que cuida de criança. Pedagogo é o condutor educador de crianças. Pedófilo é quem gosta de criança para fins sexuais. Cruz-credo! O contrário? Pedófobo,.criatura que tem horror a crianças.

 



Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    etimologia    pedófilo    pediatra    pedagogo 

|

Terça-feira, 19 de maio de 2009 08:00 am

A dor da Dilma


"A ministra chegou no hospital de madrugada com fortes dores nas pernas", anunciou o Bom-Dia, Brasil . Acertou na informação. Bobeou na regência. Quem chega chega a algum lugar. A ministra chegou ao hospital.

 


Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    regência  verbal    chegar 

|

Terça-feira, 19 de maio de 2009 12:00 am

Desafio (resposta)



"Os brasilienses estamos esperando faz dias..."
 
 
A concordância verbal está correta?

a. sim

b. não


Resposta


Está certinha. No caso, o autor se inclui entre os brasilienses. O truque tem nome. Trata-se de silepse de número.  Os dois comentários  merecem nota 10.

Votos: 0
Tags: dad    dicas    português    concordância    teste 

|


« primeira    « anterior    
Mostrando (5371-5400) de 7435 resultados.